FALE CONOSCO: (67) 3028-6562 l 3044-7772 l 3044-7773.
Artrose

Artrose

Também conhecida como Artrite Degenerativa, a Artrose ocorre quando a cartilagem presente nas extremidades dos ossos, se desgasta e acaba se agravando com o passar do tempo.

A Artrose é muito comum: são cerca de 2 milhões de casos por ano no Brasil.

Na fase inicial a cartilagem torna-se mais áspera, causando um aumento de atrito durante a movimentação que provoca inflamação. Pode se agravar até que o tecido se desgaste completamente, fazendo com que os ossos se toquem pela falta de proteção.

Por ser rara até os 40 anos de idade e comum após os 60, durante certo tempo se pensou que a degeneração da articulação fosse parte do processo natural de envelhecimento. Hoje sabemos que a idade é apenas um dos fatores de risco, mas não o único. Entre eles, estão a obesidade, ser do sexo feminino (mulheres tem 3 vezes mais chances de desenvolver a artrose em relação aos homens), falta de prática de atividade física (com exceção dos exercícios de impacto, que podem causar artrose), predisposição genética, entre outros.

A artrose pode ser dividida em primária e secundária, quando não há uma causa aparente além da idade ou devido a trauma nas articulações, respectivamente.

Sintomas:

  • dores nas articulações das mãos, pescoço, da lombar, joelhos ou quadris, que pioram com o esforço físico e alivia ao repousar;
  • rigidez, principalmente após acordar, ou ao permanecer por período de inatividade ao longo do dia;
  • redução na mobilidade
  • crepitar durante a movimentação;
  • inchaço e temperatura mais elevada na articulação.

Tratamento:

Os objetivos do tratamento da artrose é controlar a dor, melhorar a qualidade de vida do indivíduo e prevenir o agravamento da lesão.

  • Inclui a perda de peso, repouso, prática de atividade física para fortalecer os músculos ao redor das articulações, órteses (cintas e talas que imobilizam as articulações podem reduzir a dor e a inflamação), compressa quente;
  • analgésicos, anti-inflamatórios e injeções nas articulações;
  • cirúrgico, quando não responde às outras medidas; para realinhamento dos ossos e outras estruturas; para a fusão permanente de ossos; substituição da articulação; enxertos.

De qualquer forma, a prevenção é a melhor forma para detectar e iniciar o tratamento da artrose o quanto antes. Visite o especialista regularmente, pratique atividade física, opte por hábitos de vida saudáveis.

 

Escrito por: Olavo A. Machado

Responsáveis Téc.: Dra. Andreia Antoniolli – CRM 2668/MS

                                    Dr. Roberto Antoniolli – CRM CRM 2709/MS

 

Fonte: Hospital Israelita A. Einstein 

             MD.Saúde

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com